22 comentários

  1. Leandro Almeida
    Leandro Almeida 17 de dezembro de 2013 at 10:51 |

    Que cada encontro se torne a potência dos próximos…. nesta edição do dia 27 de novembro, tivemos um belo time na roda. Obrigado pelas palavras, pela poesia, pela presença, pela costura….. vamos manter esta ponte entre UQ e MAC. Assim podemos dar vida a UNIVERSIDADE MUSEU DAS QUEBRADAS CONTEMPORÂNEAS DE ARTE. rs Belo texto Xandu. abraço

    Reply
    1. Beá Meira
      Beá Meira 18 de dezembro de 2013 at 8:30 |

      Leandro, quando recebemos o convite, fiquei louca para estar presente, o assunto me interessa pessoalmente. Estou sempre me referindo a Joseph Beuys em proposições de trabalhos coletivos. Mas eu estaria em Sampa nesta data.
      Entretanto a UQ não poderia estar melhor representada, que pelos Mestres Quebradeiros. O texto do Poeta Xandu costura, trama e concretiza esta ponte do Museu Fórum e da UQ. Com Rute e Xandu estivemos todos presentes.

      Reply
  2. ZineØØ
    ZineØØ 12 de dezembro de 2013 at 1:30 |

    Feijah meu poeta e amigo, serei sempre devedor de suas intervenções grandiosas e letras perfeitas, que bom que info info info info informei algo de bom pra ti também !
    estamos quites! 😉
    xnd

    Reply
  3. ZineØØ
    ZineØØ 12 de dezembro de 2013 at 1:27 |

    Juliana – agora sim: ufffaaa! kkkk! a-do-rei saber que minha fala foi digna de elogio, e eu aqui tão inseguro, tão estressado com esse dia estressante… aí sim, minha bola subiu! Poderá ser melhor, claro, mas só na próxima vez – beijos beijos!
    Grato por nosso dia!
    Xandu

    Reply
  4. ZineØØ
    ZineØØ 12 de dezembro de 2013 at 1:23 |

    Muito feliz por você ter vindo até aqui Barría!! uma pessoa que foi muito relevante em nossa conversa, e deixou a impressão de que ainda vamos nos esbarrar mais vezes!
    Grande abraço
    Xandu

    Reply
  5. Feijah'N
    Feijah'N 11 de dezembro de 2013 at 22:48 |

    Info… e mais info… De quem não jaz saem mais infos!

    Reply
  6. Juliana Sant'Anna
    Juliana Sant'Anna 11 de dezembro de 2013 at 15:11 |

    Olá Poeta Xandu, eu estava presente e adorei o que você falou sobre o rap e sobre outras danças.
    Gostei muito da UQ eu acho uma ótima opção de universidade .
    .
    Adorei a poesia que leu, Obrigada .

    Reply
  7. Claudio Barría Mancilla
    Claudio Barría Mancilla 11 de dezembro de 2013 at 13:44 |

    Que legal poeta Xandu!! Uma linda síntese desse rico encontro de trajetórias, seus olhares e saberes circulando na roda que foi essa experiência no Fórum do M.A.C Niterói. Adorei! Parabéns pela sensibilidade e obrigadão pela generosidade!
    aquele abraço!
    Claudio

    Reply
  8. ZineØØ
    ZineØØ 9 de dezembro de 2013 at 23:00 |

    Que ótimo! Bruno Morais por aqui? agora sim, fiquei bem na foto! Sim, fiz de propósito, sabia que iria ser uma boa viagem voltar no tempo, um dia de muito conteúdo, difícil de ser mastigado na hora – e sua participação, mano, sem palavras! aprendi muito com sua visão de mundo! Vira e mexe, registramo-nos!
    ||'(o)| – Clic!
    xnd

    Reply
  9. ZineØØ
    ZineØØ 9 de dezembro de 2013 at 22:53 |

    Rogéria !! se alguns kilometros de letras digitadas não te cansaram uou! é porque o dever de casa foi feito com carinho! grato pelas palavras de apoio, sua sinceridade me enobrece!
    beijo no coração!
    Xandu

    Reply
  10. ZineØØ
    ZineØØ 9 de dezembro de 2013 at 22:50 |

    Nossa, não consegui te encontrar pelos facebook da vida José Orlando!! fiquei curioso de saber quem é você… Imaginei alguns Orlandos, parece algum Orlando conhecido, mas… Cara, obrigado por ter lido, e ter colocado minha pessoa ao lado dessas figuras: Don Negrone e José Beuys, inflou meu eguinho pocotó! hahaha! agora devolvo: o mundo prercisa desses, e de todos Josés Orlandos que tivermos na praça!
    …Convosco, pronome de tratamento dado aos senhores honrados, ainda é bem diferente de Conosco – próprio para festas e churrascos! rss atá. Só no dia da vitória, ok?
    abração
    Poeta Xandu

    Reply
  11. Bruno Morais
    Bruno Morais 9 de dezembro de 2013 at 21:26 |

    Salve Xandu !!!
    Véio que viagem essa escrita ! Naveguei nesse rio de lembranças e foi ótimo voltar aquele espaço de encontros.
    Valeu pela citada ali naquele comentário que foi nada mais que desejo de remar o barco do sonhar com outras possibilidades de encontro.
    Seguimos em frente irmão, qualquer coisa é um prazer colaborar com a atividade.
    Grande abraço.

    Reply
  12. Rogéria Reis
    Rogéria Reis 9 de dezembro de 2013 at 1:58 |

    Li seu relato, Xandu. Não escreveu um montão não. Escreveu o suficiente para que eu entendesse o propósito desse encontro que nada mais foi do que mais um esforço objetivado a quebra dessas linhas divisórias entre saberes do cotidiano e saberes acadêmicos. É nóix significa “estamos juntos e misturados” em todas as quebradas dessa vida severina.

    Reply
  13. José Orlando
    José Orlando 8 de dezembro de 2013 at 0:49 |

    Xandu,Don Negrone e Joseph Beuys são referências onde a palavra é acontecimento e virtude,o som, o significado da atitude contestatória em prol de reconhecimento humano, a possibilidade identificatória do pensar é dizer:não me acho mais perdido no mundo!!!!

    Reply
  14. ZineØØ
    ZineØØ 5 de dezembro de 2013 at 13:51 |

    outras oportunidades virão! e Jandir, o link está:
    na nota núremo 6
    grato pela leitura, sei que são questões importantes para toda a UQ, e vão acrescentar em cada quebradeiro uma visão sobre o que se faz na UQ! valeu
    Xandu

    Reply
  15. Jandir Jr.
    Jandir Jr. 5 de dezembro de 2013 at 12:00 |

    Fiquei triste por não ter participado do evento, mas muito feliz por seu relato sensível, Xandu. Muito obrigado!

    Uma pergunta: Os vídeos desse encontro estão disponibilizados na internet?

    Reply
    1. Juliana Sant'Anna
      Juliana Sant'Anna 11 de dezembro de 2013 at 15:35 |

      Olá Jandir, esses videos do MAC FORÚM podem ser encontrados nesses links ..

      MAC.FORÚM1 –>> http://youtu.be/d68yXpO_CpU
      *com os Covidados Ratão Diniz e Guilherme Vergara.

      MACFORÚM2 –>> http://youtu.be/5GkPcjivdXg *com os conidados Axel Grael, Arguns Caruso, Nadam Guerra e Jay Van Amstel.

      MACFORÚM3 –>> http://youtu.be/d68yXpO_CpU * com os convidados Alexandre Santos (POETA XANDU), Ana Karina Brenner e Claudio Barría .

      Reply
      1. Beá Meira
        Beá Meira 11 de dezembro de 2013 at 15:48 |

        Que ótimo! Obrigada Juliana, vou assistir!

        Reply
  16. ZineØØ
    ZineØØ 5 de dezembro de 2013 at 12:00 |

    Rute tb fez muito sucesso!! Nesse dia de MAC-Niteroi todos ficaram encantados com sua história com bordados e trocas de experiências! …fiquei em falta contigo, por algum motivo doido pulei sua linda participáção! na próxima tem desconto! rss
    bjs bjs
    xnd

    Reply
  17. rute casoy
    rute casoy 5 de dezembro de 2013 at 11:40 |

    Atravessei do MAR ao MAC na ida c dificuldade confesso que desafiei sem dó a ruminação de minha quietude paralítica justificada e queixosa

    Busquei Joseph Beuys via poeta Xandu e nas suas palavras

    … a prática de uma pedagogia periférica, inconformada, audaz.

    e assim acendi a chama o fogo por dentro da água mais uma vez venci a batalha da lógica dicotômica que tenta a todo custo impor impossibilidade impotência

    na volta nas barcas naveguei ainda mais seguramente ciente de que é preciso

    navegar é preciso

    Reply
    1. Beá Meira
      Beá Meira 5 de dezembro de 2013 at 11:57 |

      Rute, que bom que você também nos representou nesta conversa! Cada vez mais queremos que os quebradeiros falem pela UQ, e vivenciem estas trocas de saberes fora do ambiente quebradeiro e com interlocutores de peso e temas fundamentais como a obra do alemão Joseph Beuys que é pedagógica e política. Defendendo que toda pessoa é um artista, ele exerceu o papel de mestre cativante mas imitável que pode nos conduzir nessa aventura.

      Reply
  18. ZineØØ
    ZineØØ 4 de dezembro de 2013 at 16:17 |

    Nossa! escrevi um montão! mas também é bom rever o que se passou nesse dia, uma troca intensa! Acho que é um bom debate quebradeiro sim senhor!
    boa leitura a todxs!
    Poeta Xandu

    Reply

Deixe um comentário