28 comentários

  1. heloisa
    heloisa 8 de dezembro de 2012 at 18:36 |

    Xandu, as Quebradas se orgulham de ter um poeta como vc!!!!!! Vai fundo! bj tiete, heloisa

    Reply
    1. ZineØØ
      ZineØØ 9 de dezembro de 2012 at 11:17 |

      Opa! Fui laureado! rss! Grato pelas palavras, pelo incentivo de sempre, e também por tê-la tão Heloísa e tão professora ao meu lado, junto na verdade, por todos esses tempos que percorri através da poesia do Rio – com excessão do tempo do Império claro! kkk!
      Beijos carinhosos
      Poeta Xandu

      ps- fiz uma nova revisão, corrigi alguns erros de História, e resolvi dar links para algumas poesias citadas – irei repassar pra Beá.

      Reply
  2. Bender Arruda
    Bender Arruda 19 de novembro de 2012 at 8:35 |

    Grande poeta! Muita felicidades e sorte! Continue quebrando tudo com suas cantos e contos na vida e na rua!
    Um grande Abrazo desde espanha!

    Reply
    1. ZineØØ
      ZineØØ 19 de novembro de 2012 at 20:28 |

      Uhhhh! Bender está mais internacional que nunca – arriba hermano!! Grato pelas palavras, pela leitura… e por se importar com poetas miúdos e seus grandes-pequenos feitos!!
      Grande abraço
      Poeta Xandu

      Reply
  3. ZineØØ
    ZineØØ 11 de novembro de 2012 at 11:48 |

    Delano! Parceiro de território na UQ, com livro na praça, escritor premiado – aí sim!! firme é a firma!!
    abraços
    xnd

    Reply
  4. Delano Valentim
    Delano Valentim 11 de novembro de 2012 at 11:43 |

    Poeta dos bons…. certeiro e infalível… É nés, Xandu!

    Reply
  5. ZineØØ
    ZineØØ 6 de novembro de 2012 at 22:33 |

    Valeu B.Boy Belo! Tu é show tb!
    abçs!
    xnd

    Reply
  6. ZineØØ
    ZineØØ 6 de novembro de 2012 at 22:32 |

    Gente… falha minha !! O poeta Maurição pede para corrigir o nome da casa ___Kitchnet___, e retirar de seu nome uma propriedade que era do Ronald Biggs… E eu num tinha bigodes ainda, buço nessa época, achei que era dele. Sorry pela desisnformação.
    Xandu

    Reply
    1. Bea Meira
      Bea Meira 7 de novembro de 2012 at 8:54 |

      Querido, mudei o kit-net, mas o que devo cortar? Cinema Scope da Gávea? Este texto é uma labuta sem fim, um manto do Bispo Rosário. Sempre é preciso relatar algo mais sobre o mundo. E sempre haverá imprecisão na história. Manda Poeta, sou editora de plantão!

      Reply
  7. Belo
    Belo 6 de novembro de 2012 at 14:52 |

    Grande Poeta Xandu 😉

    Reply
  8. ZineØØ
    ZineØØ 5 de novembro de 2012 at 9:22 |

    Bom… O Joe Romano ganhou impulso com a Nise da Silveira para que o vissem como pessoa, mas… parece que o mundo não está preparado, ainda não. Para ambos, ainda carece o fundamento. Tentei restituir-lhe o brilho, Joe um pouco maior que a propaganda da TV Pinel, maior que as bizarrisses das comunidades de orkut… A questão nunca foi se Joe era artista ou não – ele sempre foi gente, e contribuiu para o planeta melhor. Um poeta, um anônimo, pessoa política, essencial para nossa vida urbana, agora com o patrocínio do Marcelo do Patrocínio – pode brilhar Joe!!
    – nóix!
    xnd

    Reply
  9. Marcelo Alves do Patrocinio
    Marcelo Alves do Patrocinio 5 de novembro de 2012 at 7:29 |

    Toda arte é politica. E aos escritores cabe o anonimato.
    Marcelo do Patrocínio

    Reply
  10. ZineØØ
    ZineØØ 4 de novembro de 2012 at 23:35 |

    Aí sim: Denise Kosta, futura produtora do meu programa black na Hare TV – muuuuito chique !! E a outra? Nóelia??? Conhece isso poesia tudo que escrevi, de perto, incluidíssima, ela esteve sempre ali!!! Acho que vou passar a escrever livros – já tem quórum!! kkkk!

    Beijos Denise, Beijos Noélia,
    moram no coração!
    isso.
    Xandu

    Reply
  11. Denise Kosta
    Denise Kosta 4 de novembro de 2012 at 23:19 |

    Arrogante, prepotente, poema duro como o concreto da urbe –
    nada disso. Poeta Xandu na contramão da própria poesia. Simplemente, admirável!!! Sou sua fã, Xandu!

    Reply
  12. Noélia Albuquerque
    Noélia Albuquerque 4 de novembro de 2012 at 23:15 |

    Xandu, realmente, vc não existe!!! Quantos lugares, visões,sentimentos, desejos foram despertados, vividos e sentidos… Muito obrigada por me libertar do cansaço!

    Reply
  13. ZineØØ
    ZineØØ 4 de novembro de 2012 at 9:11 |

    Obrigado Glauce – muito amor em nossas vidas, em nossas leituras do mundo – três beijos!
    Xandu

    Reply
  14. Glauce
    Glauce 4 de novembro de 2012 at 8:06 |

    Mandou super bem Xandu, parabéns e vida longa aos poetas, à poesia, a verdade, a crítica, a vida e ao amor !
    Beijão.
    Glauce

    Reply
  15. ZineØØ
    ZineØØ 3 de novembro de 2012 at 22:21 |

    Putz… já estou me viciando, tô vendo tudo, é pra sempre voltar aqui, e fazê funk:
    “o eguinho que eu levo, que eu levo decá prali – ego cheio pracarái, foi parar nos cafundós!!!! ééé?! pocotó! – pocotó! – pocotó! – pocotóóóó! Marcelinho MG, na palavra me derruba, e daí chegou o Sanduba pra mandar o seu aló: ééé?! pocotó! – pocotó! – pocotó! – pocotóóóó!

    kkkk!
    podes crer – amizade é sempre isso: sempreço!
    Valeu gente!
    xnd

    Reply
  16. HIP HOP SANDUBA
    HIP HOP SANDUBA 3 de novembro de 2012 at 21:56 |

    A vantagem de fazer arte e viver arte é a opurtunidade de conhecer
    tanta gente maravilhosa…todos com a missão de ampliar a cultura do outro. O CAMINHO É ESSE.NÃO PARA …NÃO PARA… NÃO PARA..NAUMMMMMMMMMM

    Reply
  17. Marcelinho Mg
    Marcelinho Mg 3 de novembro de 2012 at 12:36 |

    Como sempre fazendo e marcando a nossa memória com informações.Grande Poeta Xandu
    Mostrando…. Onde estamos. Um mundo de imagens e não de ações. Todos querem ser sem fazer para chegar. Querem nascer lá…. querem estar lá sem caminhar. ¨A história é contado pelos vencedores¨, uma frase que ouvi de alguem ou li em uma dessas leituras rápidas de revistas… Mas que sempre me deixa confuso e triste. Por isso a busca omsana pelo UNDERGROUND, seja ele oque for… música / poesia / pintura / break / balé / etc / etc / ARTE.
    ARTE e só…… não preciso explicar só sentir a ARTE, respirar a ARTE, beber a ARTE.
    E voce sempre me mostrando o quanto é um vencedor, o quanto é um contador, o quanto é um POETA….
    XANDU POETA, XANDU VENCEDOR…. XANDU ARTISTA.

    Reply
  18. ZineØØ
    ZineØØ 3 de novembro de 2012 at 10:54 |

    Liiiiinda!
    Acho que é nossa fome de conhecimento. Em francês é mais chique: connaissance é co-nascimento, nascimento comunitário. Desde que nasci sabia que você era isso: o mundo depende de nós – (r)evolução total amiga!!
    Mil Beijos!
    xnd

    Reply
  19. Luciene Meireles
    Luciene Meireles 3 de novembro de 2012 at 10:46 |

    aquilo que ultrapassa as barreiras sociais, fora dos padrões, sem classificação, novo, ousado.

    marginal
    adj m+f marginal (marginais [mɐrʒi’najʃ] pl) [mɐrʒi’nal]
    1 relativo a margem
    notas marginais
    2 que se situa no extremo, no limite
    imprensa marginal
    3 que vive à margem da lei
    indivíduo marginal
    subst m+f marginal
    1 pessoa que vive à margem da sociedade
    a história dos marginais
    2 estrada situada ao longo de rio ou mar
    É proibido atravessar a marginal.

    Reply
  20. ZineØØ
    ZineØØ 3 de novembro de 2012 at 10:14 |

    Obrigado pelas palavras Tom
    – é esse o tom do RAP, da poesia e da vida!! rss
    vlw!
    xandu

    Reply
  21. tom rodrigues
    tom rodrigues 3 de novembro de 2012 at 9:28 |

    valeu viva arte viva poesia vivaaaaaa salve salve

    Reply
  22. ZineØØ
    ZineØØ 1 de novembro de 2012 at 20:14 |

    Uôu! Um leitor peso-pesado – aí sim! Muita honra K2, aumentou meu prestígio!! – tamujunto!
    xnd

    Reply
  23. Dinho K2
    Dinho K2 1 de novembro de 2012 at 19:19 |

    Uma viagem em suas palavras, trouxe-me as lembranças de minha caminhada pelo cenário da arte no Brasil. Em cada canto, quebrada, livraria ou boteco os poetas, os escritores estão lá, estão nas ruas fazendo, criando, reinventando e trazendo a tona os mais belos escritos sentimentais que a realidade corrobora para as suas leituras desse universo. Fico feliz em viajar no universo do texto e ser contemplado.
    Parabéns mano, boas idéias.

    Reply
  24. ZineØØ
    ZineØØ 1 de novembro de 2012 at 18:40 |

    Valeu Clarisse!
    – escrevi pensando em nossa experiência, como um grupo que precisava se encontrar – dequalquerjeito!! Melhor se o texto lhe foi inspirador!! huhuuu! beijos beijos!
    Xandu

    Reply
  25. Clarice
    Clarice 31 de outubro de 2012 at 20:55 |

    Voce sempre D+ssssssssssssss, enlouquecendo nossa cabeca a rodopiar nessas ideias… vai poeta voar… vem dancar nesse encanto desencantado… falar so o substantivo e ter seu duplo num ritimo compassado e tambem violento, talvez espelho dessa realidade frenetica… queria escrever sem pontuacaoTUDOJUNTO misturandolinguagensdeareasdistintas
    INTERSEMIOTICA- “O Cortejo De Vida” filme a ser apresentado em breve,
    Abracos e beijos quebrados,
    ClariceAzul

    Reply

Deixe um comentário